Notícias

Educação Conectada prorroga prazo para 10 de maio

As redes selecionadas na etapa indução, apoio a infraestrutura, do Programa Educação Conectada realizaram o aceite via Simec, até o dia 18 de abril. O prazo para que as escolas realizem a adesão por meio do sistema PDDE Interativo foi prorrogado para o dia 10 de maio. Antes o prazo era dia 26 de abril.

Para ajudar as escolas nesse processo, o Ministério da Educação (MEC) elaborou um passo a passo. Para acessá-lo, clique no link: https://undime.org.br/uploads/documentos/phpF6s0NL_5ad89a8122000.pdf.

O Programa de Inovação Educação Conectada, instituído pelo Decreto n° 9.204, de 23 de novembro de 2017, tem por objetivos apoiar a universalização do acesso à Internet em alta velocidade e fomentar o uso pedagógico de tecnologias digitais na educação básica. A implementação do programa está prevista para acontecer até 2024, de maneira a contemplar, gradualmente, escolas urbanas e rurais em três fases: Indução, Expansão e Sustentabilidade.

O MEC já iniciou a primeira fase, a de Indução, com apoio à infraestrutura para as redes selecionadas (aquelas que atenderam aos critérios específicos para a fase, observado o disposto no parágrafo único do art. 4º, da Portaria MEC nº 1.602, de 28 de dezembro de 2017), contemplando 22.400 escolas urbanas com Internet terrestre; e 6.500 escolas rurais com Internet via satélite; distribuídas em cerca de 2.000 municípios de todos os estados brasileiros.

Segundo o Ministério, o aporte financeiro será liberado via PDDE, com previsão de pagamento para maio de 2018. Se a escola foi selecionada para conexão via terrestre é preciso preencher o Plano de Aplicação Financeira para concluir a adesão.

Acesse o vídeo com informações sobre essa fase e saiba mais:

https://youtu.be/iwb5i6sWp78

 

Fonte: Undime

Compartilhe esta notícia